11016080_748629375251466_281636212088369252_n-Cópia2

ATENDIMENTO NO SIMP: FERIADO DE ANO NOVO

O SIMP informa que na segunda-feira (31) não haverá atendimento conforme decreto da prefeita (ponto facultativo), além de terça-feira (01/01/2019) em face do feriado, retornando na quarta-feira (02), das 8h às 14h.

IMG_6008

SIMP CONVOCA: PARALISAÇÃO DOS PROFESSORES E AUXILIARES DE EDUCAÇÃO INFANTIL NA CÂMARA, PARA VOTAÇÃO AMANHÃ, QUINTA-FEIRA (27)

A direção do Sindicato dos Municipários de Pelotas mais a Comissão representativa de educadores estiveram presentes na manhã desta quarta-feira (26) na Câmara de Vereadores, acompanhar a sessão extraordinária que trataria da votação do projeto que cria a cobrança (contribuição) da iluminação pública e a prestação de tal serviço através de Parceria Público-Privada (PPP), além de obter informações de como se daria a sessão de quinta-feira, na qual se dará a votação do projeto que retira direitos e conquistas da educação.

No entanto, o projeto que trata da iluminação pública foi na hora retirado de votação, perdendo o efeito da realização da sessão extraordinária convocada exclusivamente para esse fim, ficando então também para ser apreciado na quinta-feira.

Para surpresa de todos, na imprensa já estava divulgado que o vereador Anderson Garcia, presidente do Legislativo, havia declarado que a sessão de quinta-feira será fechada ao público, através da distribuição de 100 senhas, a partir das 8h, por ordem de chegada, pela Rua XV de Novembro, sendo que o mesmo sequer havia falado antes com todos os vereadores, contrariando seu comprometimento na semana passada em plenário. Na mesma divulgação constava que o presidente se reuniria nesta quarta-feira à tarde com a direção do SIMP, a fim de tratar sobre os critérios e procedimentos do acesso.

A presidente do Simp, Tatiane Lopes Rodrigues, entrou em contato com o vereador para ver se procedia a informação, haja vista que não havia recebido qualquer convite, o que foi afirmado que não ocorreria tal reunião. Para então obter maior clareza quanto aos procedimentos a serem adotados, entrou-se em contato com a Brigada Militar, a qual agendou prontamente uma reunião no final da tarde de hoje.

Pela Brigada, foi apontado através do Capitão Bastos Alves, que somente atuará a pedido da presidência da Câmara, sendo tomadas medidas padrões utilizadas nos eventos em geral, como por exemplo, isolamento para trânsito de veículos, no sentido de preservar a segurança de todos que se deslocarem a pé e permanecerem em frente ao prédio da Câmara. Ressaltou também que por parte da corporação não haverá revistas individuais, pois nesse aspecto também compete ao vereador Anderson Garcia, se assim desejar, e nas dependências internas da casa, através dos servidores responsáveis ou da segurança privada contratada.

Tatiane ressaltou que historicamente as atividades de mobilização e manifestação dos municipários sempre foram de forma pacífica e preservando o patrimônio público, mas que quando há disputa de interesses, principalmente quando envolve projetos que retiram direitos e alteram economicamente as estruturas familiares dos servidores, é normal os ânimos se acirrarem dentro de uma perspectiva democrática de discussão, debate e protesto. Logo, nesta quinta-feira não só estará presente a categoria, bem como cidadãos em geral, pois haverá além da votação do projeto que retira direitos dos educadores, o voltado à cobrança pela iluminação pública e a PPP.

Portanto, o Sindicato está convocando todos os auxiliares de educação infantil e os professores da rede municipal para paralisarem suas atividades e se fazerem presentes na Câmara de Vereadores amanhã, quinta-feira, dia 27, às 7h, durante todo o dia, nos três turnos, manhã, tarde e noite, devido a pauta para votação do projeto de lei pela Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR), bem como pela possibilidade de votação do mérito pelo plenário.

11016080_748629375251466_281636212088369252_n - Copia

SIMP RECEBE CONFIRMAÇÃO DE ATRASO NO PAGAMENTO DOS SALÁRIOS DE DEZEMBRO

A prefeita Paula Mascarenhas confirmou ao Sindicato dos Municipários, via ligação telefônica, na tarde desta sexta-feira, que os salários do funcionalismo referentes ao mês de dezembro não serão pagos no dia 28, último dia útil do mês, como vinha ocorrendo há vários anos, e sim no 5º dia útil do mês seguinte (08/01/2019).

“O comunicado da prefeita nos surpreendeu à medida que desde a gestão anterior enquanto vice-prefeita vinha sendo adotada uma política de pagamento no último dia útil do mesmo mês trabalhado, o que serviu de campanha inclusive para a eleição atual ao Governo do Estado, e agora temos a confirmação do 5º dia útil do mês subsequente, ou seja, os servidores devem ficar atentos, pois não se há garantias de como serão procedidos os próximos pagamentos”, salienta a presidente do Sindicato, Tatiane Lopes Rodrigues.

Paralisação Professores e Auxiliares - site

SIMP CONVOCA PARALISAÇÃO COM PRESENÇA DOS PROFESSORES E AUXILIARES DE EDUCAÇÃO INFANTIL NA CÂMARA, PARA VOTAÇÃO, NA QUINTA-FEIRA

O Sindicato dos Municipários de Pelotas, junto com suas comissões da área da educação, tem acompanhado os andamentos e mantido conversas com vereadores das mais diversas linhas partidárias sobre o projeto de injustiça salarial apresentado pelo Governo Municipal e em tramitação na Câmara Municipal, obtendo êxitos no convencimento da maioria dos legisladores sobre a necessidade de sua rejeição, pois traz a retirada de direitos e conquistas da educação.

A avaliação é da presidente do Simp, Tatiane Lopes Rodrigues, acrescentando que “nesse cenário, o Governo Paula e sua base mais cruel, em torno de sete vereadores, vem usando das mais indefensáveis manobras para buscar a reversão desse quadro, ameaçando vereadores, inclusive com perda de mandato por parte de partidos que compõem o Governo, e também apontando a limitação do ingresso dos trabalhadores na plenária da Casa.”

O fato é que fica evidenciado que esse projeto não foi colocado em apreciação, pois o Governo não tem os votos necessários para sua aprovação, neste momento. Os vereadores da base governista inicialmente tinham pressa na tramitação do projeto, o que deixou de existir a partir do momento em que a situação se inverteu e a maioria se declarou contrária, o que fez com que o líder do Governo começasse a adiar periodicamente a votação do mesmo.

O Sindicato está convocando todos os auxiliares de educação infantil e os professores da rede municipal para paralisarem suas atividades e se fazerem presentes na Câmara de Vereadores na quinta-feira, dia 27, durante todo o dia, nos três turnos, manhã, tarde e noite, devido a pauta para votação do referido projeto de lei pela Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR), bem como pela possibilidade de votação do mérito pelo plenário.

  • Últimos Vídeos

    Programa de TV do SIMP de 06/12/19
  • Programas SIMP

    Rádio Com 104,5 Fm
    Ouça Agora
    Quinta das 18:00 às 19:00


    Televisão
    Sexta das 19:00 às 20:00
    Canal 2 Viacabo
    Canal 14 NET

  • Tweets do SIMP

    Siga-me no Twitter!
  • Sugestões

    Sugestões